Que delícia é a época da Páscoa! O passo a passo da vez tem o objetivo de espalhar encantamento para as crianças. Que tal uma bolsa infantil de coelhinho, super fácil de confeccionar. Basta seguir o passo a passo a seguir e começaremos preparando algumas partes. Tanto o tecido oxford, como o tecido soft, possuem diferenciação entre o lado direito e o avesso, portanto é preciso prestar atenção para utilizar o lado certo de cada costura.

Material

  • Tecido oxford em duas cores. Neste caso, foram utilizados: um tom bebê de rosa e um tom mais escuro de rosa (comprei meio metro de cada cor e ainda sobrou bastante)
  • 1,50 m de cordão de poliéster (aquele também utilizado para colocar em shorts). Que no nosso caso servirá para fazer o pompom do rabinho do coelho. Também pode ser utilizada a lã, na cor de preferência e neste caso utilizou-se a cor branca
  • 2 pedações de 1,30 de cordão de algodão para fazer as alças. Se preferir, pode ser um tamanho maior também, deixando sobras para os ajustes
  • Tecido soft em duas cores e neste caso foram utilizadas as cores: branco para as bolinhas das patas e rosa mais escuro para a confecção das orelhas e das patas
  • Máquina de costura

Medidas

  • 2 retângulos de 26 cm por 32 cm no tecido oxford para a parte externa da bolsa, na cor rosa bebê
  • 2 retângulos de 26 cm por 32 cm no tecido oxford para a parte interna da bolsa (forro), na cor rosa mais escuro
  • 2 retângulos de 8 cm por 26 cm no tecido oxford para o passador do cordão, na cor rosa mais escuro
  • 2 retângulos de 4 cm por 5 cm no tecido oxford para o regulador e fixador do cordão, na cor rosa bebê
  • 4 vezes o formato de orelha no tecido soft, na cor rosa mais escuro, medindo 6 cm na parte que ficará aberta para o desvire, 9 cm para parte mais larga e 20 cm de cumprimento. A ponta da orelha tem o formato afunilado
  • 4 vezes o formato de pé no tecido soft, na cor rosa mais escuro, medindo 7 cm na parte que ficará aberta para o desvire e 9 cm de comprimento. A ponta do pé tem o formato arredondado do pezinho
  • O cordão de algodão para a alça, como já descrito acima pode medir 1,30 m ou mais se preferir
  • Cordão de poliéster: foi utilizado 3m para fazer o pompom desta bolsa, entretanto pode-se utilizar também a lã
  • As bolinhas das patas medem 3 cm de diâmetro as maiores e precisa-se de 2 círculos e medem 2 cm os círculos menores e são necessários, foram recortadas no soft branco.

Como Fazer as Patinhas e as Orelhas

Em duas das quatro partes do recorte da pata, colar as bolinhas com a cola pano, conforme demonstrado na foto.

Para garantir uma maior durabilidade, costurar por todo o contorno.

Pode escolher o ponto reto da máquina ou o ponto zigue-zague ou ainda o ponto caseado.

Não se preocupe se não ficar perfeito; a costura irregular trará o charme necessário às patinhas. Reserve-a.

Costurar com um pé de máquina, as orelhas, juntando as duas partes deixando aberta a parte reta de 6 cm, desvirar e reservar.

Alças de Regulação e Passador de Cordão

Vamos costurar essas alcinhas que serão presas nas laterais inferiores da bolsa.

Junte as duas extremidades da parte mais longa do retângulo, unindo-as ao meio, fechando para formar um cordão.

Daí passa-se uma costura para fechar a alça e outra paralela. Reserve-a. É uma peça bem pequenina que requer paciência para o sucesso da elaboração e costura.

bolsa coelhinhoOs 2 retângulos devem ser inicialmente costurados fazendo-se uma bainha nas duas laterais menores.

Deixe a dobra para o lado avesso.

Pompom

Para confeccionar o pompom, basta dar voltas com o cordão em volta dos quatro dedos da mão até terminar os 3 metros.

Depois amarrar ao meio e cortar todas as voltas. Depois, basta ir cortando com a tesoura as partes salientes para se obter a forma arredondada.

O pompom de lã, requer mais ou menos umas cem voltas para ficar bem formado.

Montagem da Bolsa

bolsa coelhinho

Marque o centro da parte mais estreita do tecido oxford e marque o centro do passador que acabou de costurar.

Com uma costura reta de pé de máquina, una as 2 peças conforme demonstrado.

Proceder da mesma forma com as duas partes do forro e as duas partes do passador.

Posicionar as duas patas e os dois reguladores da seguinte forma:

  • No tecido oxford rosa bebê (lado direito), a partir do centro da parte mais estreita.
  • Medir 3 cm para cada lado e a partir desse ponto colocar as patinhas viradas para baixo e alfinetar.
  • Nesta mesma parte do tecido, medir a partir do canto, 2,5 cm e posicionar os reguladores, alfinetando-os para costurar.

Passar uma costura reforçada nos reguladores e nas patas, fixando-as no devido lugar.

Posicionar as orelhas, medindo 4 cm de cada lado a partir do centro de uma das partes do forro.

Passar a costura de segurança.

Costurar, unindo direito com direito: a parte externa da bolsa com a parte do forro da bolsa, que estão sem as patas e as orelhas.

Unir somente pela parte mais estreita onde se encontra costurado o passador.

De preferência, passar duas vezes a costura de pé máquina.

bolsa coelhinhoAgora é o momento de unir parte externa e forro que contém costurados as patas e as orelhas.

Unir somente pela parte mais estreita onde se encontra costurado o passador.

Juntar as partes, cor com cor, assegurando que as costuras centrais (onde está o passador) fiquem bem centralizadas.

Passar uma costura por toda a volta, com todo cuidado com as partes internas.

Principalmente o local da costura central onde está o passador, onde por ele não pode passar a costura que fecha a bolsa.

Para obter sucesso, basta enrolar a beiradinha do passador para dentro quando estiver costurando a parte em que as duas cores se unem.

Não se esquecer de deixar uma abertura para o desvire, fazendo o retrocesso no início e fim da costura.

Depois de desvirada, a bolsa fica conforme demonstrado na foto.

Momento de costurar o pompom.

Deve ser feito à mão, como se prega botões, simples assim.

Cuidado para que as duas partes da bolsa não sejam costuradas ao pompom.
A bolsa já está fechada, mas é super fácil e possível, basta cuidado e paciência.

Fechar a abertura com ponto invisível.

Para passar o cordão de algodão no passador.

Atravessar as duas pontas, uma para cada abertura do mesmo lado.

E o outro cordão deve ser passado inversamente.

As duas pontas devem depois ser passadas pelo regulador e dado um nó em cada ponta, fixando-as.

bolsa coelhinho

E aí outra versão da bolsa, com orelhas menores, pompom de lã para o rabinho e bolinhas com a costura de ponto caseado nas patas. Para fechar, basta puxar as duas alças.

E assim terminou-se mais um passado regado de muito charme e estilo à la Páscoa ou à la fofura.

O post Bolsa Infantil de Coelhinho apareceu primeiro em FazFácil.

A Artcom Planejados agradece a sua visita!

Fonte: Site FazFacil

Veja também:  Faça uma Caminha para o Cachorro (Com Manta)